Procurar no site


Contacto

PRIMEIROS SINTOMAS
Rua da Ribeira Nova, nº 44, 1200-376 Lisboa

(+351) 21 096 48 51 | (+351) 91 507 85 72

E-mail: primeiros-sintomas@primeiros-sintomas.com

Sandra Faleiro

Sandra Faleiro

 

Frequentou o curso de actores da Escola Superior de Teatro e Cinema em 92/95.

Estreou-se como actriz no Teatro Aberto em 1988 com a peça “A Rua” de Jim Cartwright, encenada por João Lourenço. Trabalhou com Mário Viegas, Diogo Infante, João Mota, João Perry, Nuno Carinhas, Paula Sá Nogueira, Álvaro Correia, Rafaela Santos, Carla Bolito, Cristina Carvalhal, Fernanda Lapa, Jonh Mowat, Tim Carrol, Ana Luísa Guimarães e Bruno Bravo. 

Estreou-se na encenação com “Vai e Vem” de Samuel Beckett, na companhia Teatral do Chiado. Posteriormente encenou, “Sob o Bosque de Leite” de Dylan Thomas (Acarte), “A Donzela e o Marinheiro”, de Federico Garcia Lorca (Comuna), “Disney Killer”, de Phillip Ridley (CCB), “Momo”, a partir de Michael Ende (Chapitô), “Timbuktu”, a partir de Paul Auster (Teatro da Trindade), “Pedro e o Lobo”, a partir de Prokofiev (Barraca), “Nevoeiro”, co-criação com Paula Castro (Casa dos Dias de Água). “O Homem Elefante” de Bernard Pomerance e "Entraria Nesta Sala..." (Teatro Nacional D. Maria II).

Participa regularmente em novelas e séries de televisão desde 2000.

Co-fundadora do grupo de teatro Primeiros Sintomas.