Procurar no site


Contacto

PRIMEIROS SINTOMAS
Rua da Ribeira Nova, nº 44, 1200-376 Lisboa

(+351) 21 096 48 51 | (+351) 91 507 85 72

E-mail: primeiros-sintomas@primeiros-sintomas.com

A MONTANHA TAMBÉM QUEM

A MONTANHA TAMBÉM QUEM

Texto Miguel Castro Caldas | Encenação Bruno Bravo | Cenografia Stéphane Alberto | Interpretação (os quatro actores da peça foram variando consoante os espectáculos) Alexandra Reis, Bruno Bravo, Carla Chambel, Carla Maciel, Catarina Mascarenhas, Gonçalo Amorim, Marta Fernandes, Peter Michael, Raquel Dias, Ricardo Neves-Neves, Susana Vasconcelos | Produção Primeiros Sintomas

 

A Montanha Também Quem é um texto baseado nos contos tradicionais, utilizando, portanto, textos cujos autores não se conhecem, excepto uma frase aqui ou ali de José Gomes Ferreira e de Bento Moreno.

Os contos tradicionais não se sabe de onde vêm.

Talvez não tenha havido ninguém primeiramente a dizê-los, ou talvez a primeira versão alguma vez dita tenha vindo de alguém que ao acordar de manhã tenha dito:

- aaAHHH,

e, a partir daí, com a transmissão de boca em boca, esse som chegou até nós em forma de história, em forma de contos e agora, postos em teatro, foram Desarranjados em forma de espectáculo!!!

Quando lemos contos tradicionais, estamos a ler uma coisa arrancada a uma tradição oral. Estamos, portanto, na presença de estilhaços de uma cultura já desaparecida. Apesar disso temos a sensação de que permanece algo de essencial, inexplicável. Talvez por ser inexplicável é que se tenha dado tanto azo a adaptá-los ao universo das crianças. Porque a infância também é inexplicável. Não sabemos o que ela é. Nem quando somos, nem quando já fomos. E por não sabermos que coisa seja, é que não podemos escrever para as crianças a pensar que lhes vamos ensinar alguma coisa. Não vamos ensinar nada, nem sequer vamos dizer o que está bem e o que está mal. Vamos apenas levantar o grande mistério das coisas que não têm explicação: as trovoadas, o fogo, as bruxas, as barbas de deus e o rabo do diabo.

                                                                                                                      Miguel Castro Caldas

Classificação Etária: M/ 12 anos

Estreia Associação Abril em Maio |